94 - JESUS NA CRUZ

Só tu, Jesus, levaste a cruz,
humilde em teu amor;
no teu olhar brilhava a luz
de compaixão, Senhor!

Julgado foste como réu,
Pilatos foi juiz;
de enganador o teu labéu,
julgaram-te infeliz!

Sofreste zombarias mil,
desdém e amargo fel;
feriu-te a rejeição hostil
de gente tão cruel!

Suspenso em um madeiro vil
mostraste o teu amor;
perdão, pra gente tão servil,
rogaste, Salvador!

Rendeste o espírito a Jeová
com grande brado teu,
sim: "Tudo consumado está."
Missão que o Pai te deu!