302 - COMO A NEVE



Bom Jesus, és todo meu;
Eu também sou todo teu.
Dá-me graça para ser
Todo teu até morrer.

Bom Jesus, minha alma quer
Qual a neve branca ser;
Vive no meu coração,
Faze-o puro, limpo e são.

Salvo estou em teu amor;
Já não tenho assim temor;
Gozo a mais perfeita paz,
Nem a morte susto traz.

Dia a dia, meu Jesus,
Quero andar em tua luz,
Té que enfim eu vá morar
No celeste e eterno lar.