256 - INDA HÁ LUGAR



Inda há lugar; o régio Salvador
Chama ao banquete o pobre pecador.

Vem, vem; oh, vem!
No céu inda há lugar!

Eis o convite, escuta a voz de Deus!
Oh, vinde a Cristo, vinde para os céus!

Ávido vem, e cheio de fervor
Ouve o bem-vindo de celeste amor.

Hoje há lugar; desperta, meu irmão,
Pois quem demora arrisca a salvação.

Bem cedo a porta tem de se fechar,
E se dirá então: 'Não há lugar.'